RT Clarion - шаблон joomla Форекс
Quinta, Setembro 21, 2017

Apresentação

A Fundação Viver Produzir e Preservar, é uma organização sem fins lucrativos, situada na Região da Transamazônica, com sede no município de Altamira, Oeste do Estado do Pará; foi fundada em 1991 pela iniciativa das organizações camponesas, movimentos pastorais e populares urbanos e de educadores da Rodovia Transamazônica e do Rio Xingu, mas sua atuação enquanto movimento social organizado ocorre desde a primeira metade da década de 80 do século passado, após o abandono do projeto de colonização da região pelo governo federal. 
Sua atuação inicial contou com o apoio de movimentos pastorais das Comunidades Eclesiais de Bases da Igreja Católica, movimentos políticos e sociais que lutavam pela redemocratização do país, sendo que sua atuação social e política estavam em sintonia com os demais movimentos de organização social que eclodiam no Brasil e na América Latina.

Leia mais

FVPP tem assento no CMDCA

Na manhã desta segunda feira (29/02), aconteceu a posse dos novos membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Altamira. Representantes governamentais e não governamentais foram empossados para um mandato de dois anos.
Entre as entidades da sociedade civil está a Fundação Viver Produzir e Preservar.
Para a Coordenadora Executiva da FVPP é mais um compromisso com os meninos e meninas de Altamira que precisam ter um conselho fiscalizador das políticas públicas que garantem os direitos deste público.

Leia mais...

Na pauta: O dia do repórter.

Eles estão por todos os lados: dentro das redações das emissoras, na frente das telinhas ou atrás delas redigindo e publicando textos. Homens e mulheres que acordam com a notícia, ou melhor, nos acordam com as informações de Altamira, do Pará, do Brasil, do Mundo.
Ser repórter é ser multiplicador de informação!
É ser a voz do povo! Os comunicadores têm a missão de indagar, de perguntar o que o cidadão que está em casa gostaria aos representantes do legislativo, do executivo e do judiciário.
É graças a esta profissão que conhecemos o mundo sem sair de casa!

Leia mais...

A voz dos Atingidos de Belo Monte: Desafios e Direitos

Este é o nome do projeto 105 apresentado ao Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu que tem como meta viabilizar ações que garantam a permanência das famílias nos novos reassentamentos urbanos.
Na tarde desta segunda feira( 15/02), a Fundação Viver Produzir e Preservar ouviu moradores que somam com o planejamento para o aprimoramento da moradia.
A iniciativa é a porta de acesso aos direitos dos atingidos pela hidrelétrica.
" É mais uma oportunidade para se fazer um monitoramento. E enquanto movimento social nós temos esse papel de mostrar caminhos ao povo... De buscar e lutar pelos direitos de cada morador. " Acrescentou Antônia Martins, Coordenadora Executiva da Fundação Viver Produzir e Preservar.
Além da FVPP participaram ainda organizações como Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Pará, Movimento de Mulheres, Casa de Educação Popular, Associação dos Índios Citadinos e Movimento dos Atingidos por Barragens.

Leia mais...

CFR de Anapu entrega novos técnicos em Agropecuária à Região.

A Casa Familiar Rural de Anapu entregou à região da Transamazônica novos técnicos em agropecuária.
No total 33 alunos formandos do Ensino Fundamental e Médio subiram mais um degrau na formação técnica.
Durante a cerimônia, os alunos todos de estilo cowtry, emocionaram-se e emocionaram os convidados.
Marcos Bandeira, representante dos alunos, é um exemplo de que a pedagogia da Alternância dá certo!
O formando já sai da Casa Familiar Rural direto para a Universidade Federal do Pará. Aprovado para o curso de engenharia agronômica, o filho de agricultor diz que é fruto da educação do campo.
" Eu vou comparar uma história bíblica da travessia do mar vermelho do povo de Israel com a nossa. O mar vermelho representa as dificuldades, porém a fé e a persistência, representam a travessia deles, e aqui, o nosso desempenho...

Leia mais...